POR QUE ESCOLHER A BYTE FACTORY?

Além de oferecer 100% de ferramentas e serviços personalizados, nossa equipe tem o foco na alavancagem do seu negócio, informando e auxiliando sua expansão.

CONTATO
  • End.: Av. Jose de Souza Campos, Nº 1.815, cj 1.202
    Campinas-SP CEP 13025-320
  • Tel: +55 19 3795-4460 / 4461 / 4462 / 4463
  • Email: atendimento@bf.net.br

Opção para ignorar em Análise de Compras

02/10/2011 em Materiais

Em materiais, o estoque mínimo é por local. Entretanto, para deixar a Análise de Itens a Compras mais direta e exata, criamos uma opção para cada material, junto ao estoque mínimo, que permite ignorar o item nesta análise.
Isto é, com esta opção ligada, o item não aparecerá como necessidade de estoque no local em que a opção foi ativada.
Para os demais locais ativados, a análise ocorre normalmente.

Novo filtro por data esperada de entrega

02/10/2011 em Materiais

Adicionamos, associado ao filtro de estoque mínimo, uma opção de nr de dias inicial a final, associada ao prazo de entrega típico do local.
Com isso, pode-se emitir listagens de itens a comprar com entrega rápida ou entregas mais longas. Estas análises podem ser distribuídas a critérios de compras mais adequadas a cada situação específica.

Controle de Compras por Central

02/10/2011 em Materiais

Nesta atualização, aplicamos o conceito de Central de Compras aos locais do BF AICS. Com este recurso, será possível integrar diversos locais numa única Central de Compras. Este local central terá informações dos consumos de todos os demais locais, além de prazo de entrega e estoques mínimos específicos a esta condição.
Do ponto de vista prático, imaginemos uma rede de pontos de controle (lojas ou empresas) com estoques mínimos visando abastecimento por uma Central.
Esta Central terá que controlar as compras relacionadas a todos estes locais, incluindo ou não ela mesma. Como este objetivo pode ser alcançado? Criamos uma nova opção em locais, aba Materiais, denominada "Desconsiderar em análises de estoque da matriz". E a opção Matriz passa a apresentar a informação "Permite que este local processe análise de Estoque centralizado, incluindo estoques mínimos e análise de compras".
Logo, o local central deve ter a opção Matriz ligada e os locais que irão gerar as consumos para análise de compras deverão estar com a opção "Desconsiderar em análises de estoque da matriz" DESLIGADA.
Desta forma, o cálculo de estoque mínimo para o local Central irá utilizar todos os consumos dos locais acima e o saldo para relatórios de Compras irá utilizar os saldos disponíveis em todos os locais.
Por outro lado, para cada local não Matriz, a análise permanece a mesma! Este recurso permite o controle por Central e individual ao mesmo tempo através de uma regra específica para cada local.

Novo recurso para análise de Saldo de materiais produzidos

02/10/2011 em Materiais

Imagine uma situação na qual um determinado material seja comprado e, logo após sua compra, processado para ser utilizado futuramente. Este uso pode ser uma preparação para uso futuro que evite sua deterioração, por exemplo.
Nesta situação bem prática, o item comprado ficaria sempre com saldo de estoque zerado e estaria sempre na lista de materiais a comprar. O que é pouco realista neste caso...
Visando melhorar esta análise, criamos a opção "Eng" na opção de Saldos Mínimos por material e por local. Esta opção, quando ativada, fará com que o saldo "virtual" do referido material no dado local seja visto pelo seu saldo real acrescido das quantidades contidas em processamentos vinculados a Engenharias. Por exemplo, um tubo de ferro pode ser vinculado a uma Engenharia de "tubo pintado", sendo que liga-se a opção Eng. no tubo de ferro para que seu saldo mostre as quantidades de tubo pintado também.
Assim, o ponto de pedido de compra seria alcançado quando o item "tubo pintado" estivesse insuficiente e não quando o tubo de ferro fosse insuficiente.
Este recurso deve ser utilizado com muito cuidado quando o item marcado tiver uso direto que não sua preparação total para uso futuro e quando este mesmo item for utilizado em mais de uma Engenharia derivada.

Nova análise para baixas de estoque com lotes

08/12/2011 em Materiais

O BF AICS possui o controle de lotes como um desdobramento do saldo atual do item para cada local. Isto é, a soma dos saldos dos lotes deve ser a mesma do saldo do item.
Quando um movimento é feito exatamente com o saldo do item, pode ocorrer da soma dos saldos dos lotes ser diferente deste valor, principalmente, quando há lotes desdobrados (separados em partes devido ao mesmo movimento).
Isto ocorre devido aos arredondamentos, que podem ser configurados no cadastro de unidades do menu Configurações do módulo de Materiais.
Quando o lote é separado, pode-se "perder" uma casa neste arredondamento. Nada que atue contra o controle, mas pode atrapalhar e requerer ajuste manual de saldo de lotes em certas situações bem específicas.
Nesta atualização do sistema, quando o saldo dos lotes for diferente do saldo do item, entretanto, apenas uma ordem de grandeza acima da precisão do arredondamento, o movimento será permitido normalmente e não será mais bloqueado. Nenhuma intervenção do usuário é necessária para este novo recurso ser ativado.

Integração de materiais com data final

08/12/2011 em Materiais

Na Integração de Materiais, o objetivo é evitar problemas de saldo futuro dos itens produtivos ou de revenda em geral.
Portanto, a única data existente era a data inicial, visando corte de dados antigos.
Nesta atualização, inserimos uma data final o que irá permitir uma análise por janelas de tempo bem definidas. Este recurso facilita quando existem muitas pendências para o futuro e mesmo para o passado.

Tolerância para baixa de encomendas por item

08/12/2011 em Materiais

Quando ocorre a entrada de uma NF de compras de materiais, a encomenda associada pode ser eliminada mesmo quando a quantidade entregue é inferior ao requisitado.
O controle desta tolerância está na configuração geral.
Nesta atualização, adicionamos uma tolerância no item, isto é, será possível estipular uma tolerância maior ou menor que a padrão item a item. Em função disso, agora é possível refinar o controle de tolerâncias de entrega.

Novo controle de apagamento que permite substituição

08/12/2011 em Materiais

Da mesma forma que um cadastro de cliente ou fornecedor pode migrar todos as ligações para outro, criamos a possibilidade de migrar todos os vínculos de um material eliminado para outro.
O funcionamento ficou associado ao apagamento do material, que irá solicitar a pesquisa se um outro substituto. Caso o substituto não seja informado, os movimentos associados ao material eliminado serão apagados, caso contrário, serão associados ao item indicado.

Adicionadas duas classificações visando particularizar SPED

11/12/2011 em Materiais

Na classificação de materiais, adicionamos uma opção de classificação do material visando envio ao SPED. Esta classificação é unicamente associada a cada nó da estrutura de materiais, porém, o sistema irá perguntar se deseja atualizar os nós inferiores com a mesma opção.
Portanto, para atualizar a estrutura toda, parta dos nós mais próximos à raiz aos mais internos.
Além disso, adicionamos a opção de gênero no cadastro de materiais, também visando envio dos dados ao SPED. Neste caso, não existe uma associação genérica, ela deverá ser feita por cadastro ou por comandos de update manualmente.
São colunas úteis apenas para os arquivos do SPED, podendo ser utilizadas, entretanto, normalmente em suas regras de negócio.

Adicionado filtro de setores na impressão

11/12/2011 em Materiais

O campo de setores, que é um classificador dos materiais, agora possui um filtro na impressão dos relatórios de materiais.